Segurança na internet com token virtual

Segurança na internet com token virtual

 Velip lança conjunto de API’s para dupla validação, aumentando a segurança dos usuários na internet

 

Com o uso cada vez maior de serviços pela Internet em bancos, compras, redes sociais, entre outros, o uso de usuário e senha se torna cada vez mais comum, infelizmente as tentativas de fraude também. Os mecanismos para tornar o processo de logar mais seguros são pesquisados e implementados diariamente, mas muitas vezes criam dificuldades para o cliente.

Um dos métodos usados é a dupla validação que consiste basicamente em logar através do usuário e senha e em seguida, em determinado momento da operação, fazer uma segunda validação. A segunda validação pode ser feita de uma forma simples e sem dificuldades para o cliente através do envio de um número que deverá ser informado no site para liberação da operação.

Por exemplo: o cliente está fazendo um resgate de pontos de uma empresa e ao final o site pede para inserir um número de confirmação que será enviado por sms ou por ligação telefônica, nesse momento o sistema da empresa envia um número ao cliente que, ao recebê-lo, pode confirmar o resgate dos pontos. O envio desse número por SMS ou mensagem de voz cria um mecanismo de token virtual garantindo que a pessoa que está fazendo a operação de fato é a que está cadastrada no sistema.

A Velip lançou um conjunto de APIs para as empresas que desejam aumentar a segurança através da dupla validação sem ter a necessidade do cliente ter em suas mãos tokens físicos ou tabelas de senha. O sistema da empresa envia automaticamente uma requisição via APIs contendo o número telefônico do cliente fixo ou móvel e a senha de confirmação.

O sistema de Token Virtual da Velip encaminha por SMS ou voz a senha a ser utilizada. A seleção de envio por SMS ou mensagem de voz  poderá ser feita pelo usuário que precisa fazer a operação. Se no cadastro contiver apenas um telefone fixo o envio será obrigatoriamente via uma ligação telefônica com uma gravação automática (TTS) que verbalizará a senha.

Também é possível o processo de validação apenas com uma ligação, nesse caso, o usuário recebe uma ligação e ao atender inicia uma gravação (URA) que pergunta para confirmar a solicitação. Por exemplo: “Esta é uma ligação automática do programa de pontos XYX. Para confirmar seu resgate de pontos digite 1 agora.”

 

Conheça melhor as soluções Velip: www.velip.com.br